quarta-feira, 17 de agosto 2022
Dourados fez 1 a 0 e Virgílio Ferreira passa o cargo para Chiquinho Lima com classificação quase certa. Foto: Franz Mendes

Mário Lúcio marca, DAC vence Águia Negra e assume liderança do Grupo B

Postado em 28 de fevereiro de 2022, por Cléber Soares.

O Grupo B do Campeonato Sul-Mato-Grossense tem um novo líder. O Dourados AC recebeu o EC Águia Negra neste sábado (26), pela sétima rodada, e venceu por 1 a 0. O único gol do jogo saiu nos acréscimos do primeiro tempo, marcado por Mário Lúcio (veja abaixo). Nas arquibancadas, o técnico Chiquinho Lima, que assume o time douradense e foi oficialmente apresentado.
 
Com a vitória em casa, o DAC chega aos 12 pontos, passando o CE Naviraiense, que tem dez e folgou na rodada. O G3 agora é completado pelo Aquidauanense FC que recebeu e goleou o Coxim AC por 5 a 1 e tomou a posição do adversário. Os dois times somam sete pontos, mas o Azulão leva vantagem nos critérios de desempate. A lanterna segue com o time de Rio Brilhante, com apenas dois pontos.
 
O Jogo
 
No Estádio Douradão quem começou melhor foi o Águia Negra. Bem postado na defesa, dificultava a criação ofensiva do Dourados, tentava contra-ataques e ficou muito perto do gol aos sete minutos. Em falta pela direita, Rui Charles levantou na área, Erick escorou e Bernardo, na linha da pequena área completou para o gol. A bola não parou na rede graças ao goleiro Matheus Gutz, com uma defesa impressionante.
 
A resposta do DAC veio aos 14 minutos com Leandrinho. O lateral recebeu lançamento longo na esquerda, invadiu a área e bateu para boa defesa do goleiro Matheus. O Águia depois teve duas chances, ambas em erros do Dourados em saída de bola, o que gerou bronca geral do técnico Virgílio Ferreira que queria passar o bastão para Chiquinho na liderança. E ela veio aos 47 minutos. Depois de um chute de Léo Júnior que explodiu no peito de Matheus, a jogada seguiu e, após tabelar com Sena na entrada da área, Mário Lúcio bateu rasteiro, Matheus ainda tocou na bola, mas não evitou que ela morresse na rede, abrindo o placar.
 
Na etapa final, os dois times tiveram muitas dificuldades na criação e o ritmo do jogo caiu. Apesar de ter melhorado e aumentado volume e posse de bola, o Águia Negra assustou pouco Matheus Gutz, abusando das bolas alçadas na área. No DAC, as mudanças de Virgílio, mesmo o retorno de Salomão, pouco ajudaram e o melhor que o time fez foi administrar a vantagem e segurar a vitória por 1 a 0.

Diário MS / Rogério Vidmantas

Vídeo: Canal Lucas Nepomuceno – LVNF

Veja também

Voltando a ser disputada na LEDA, 9ª edição da Copa Resenha tem programação definida

Uma das maiores e tradicionais competições de futebol suíço em Dourados, a Copa Resenha, já …