terça-feira, 28 de junho 2022

Goleada e jogo dramático fecharam a Copa Vale da Esperança em Caarapó

Postado em 28 de agosto de 2017, por Cléber Soares.

Na noite deste sábado, 26, em Caarapó, foi encerrada mais uma edição da Copa Vale da Esperança de Futsal, competição que distribuiu um total de R$ 10.300,00 em premiação. Os protagonistas da noite foram as equipes do Instituto Aefa, campeão do naipe feminino, e a equipe do Box 46 Moto Parts, campeão do naipe masculino.

A primeira final foi do feminino entre Instituto Aefa e Amambai, um jogo até certo ponto muito tranquilo para o Instituto Aefa, a equipe de Amambai não conseguiu sair da forte marcação das douradenses, que aos poucos foi tomando conta do jogo e construindo o placar que terminou em 4 a 0, com 2 dois gols de Jéssica Souza, 1 de Renata e 1 de Cris. Instituto Aefa Campeão da 6ª Copa Vale da Esperança de Futsal Feminino.

Em seguida foi a vez dos homens decidirem o título, desta que foi a 11ª edição na categoria masculino. Decidiram o título Box 46 Moto Parts e Secod/Pradodiesel, um jogo de forte emoções e indefinido até o apito final.

Assim que bola rolou logo se percebeu que o jogo seria muito equilibrado, ambas equipes, bem postada em quadra, faziam forte marcação, mas  a equipe do Box 46 erá quem mais propunha o jogo dando muito trabalho ao goleiro Feijão, um dos grandes destaques da partida. Os últimos 5 minutos foram de pura adrenalina, o Box 46 vencia por 2 a 0, gol de Lucas e Marcio, e sem outra alternativa os douradenses partiram para o ataque fazendo uso do goleiro linha com o ala Belo, e quase deu certo, não fosse o gol de Cleto, em rápido contra-ataque, a partida poderia ter terminado nos pênaltis, mas ficou mesmo em 3 a 2 para o Box 46 Moto Parts. Os gols do Secod/Pradodiesel foram feitos por Belo e Ferreirinha.

Na competição feminina à artilheira, com 6 gols, foi Janaína da equipe do São Jorge, já a goleiro menos vazada, com apenas 5 gols sofrido, foi Joice do Instituto Aefa. No masculino o artilheiro foi José Alberto, da Banca do Tição, com 10 gols marcados, enquanto o goleiro menos vazado foi Marcus Vinícios da equipe do Águia Negra/Objetivo com 12 gols sofridos.

Vejam abaixo a classificação final em ambas as categorias:

Masculino

  • 1º Lugar – Box 46 Moto Parts
  • 2º Lugar – Secod/Pradodiesel
  • 3º Lugar – Águia Negra/Objetivo 

Feminino

  • 1º Lugar – Instituto Aefa
  • 2º Lugar – Amambai
  • 3º Lugar – União Feminina ( Coronel Sapucaia)
  • 4º Lugar – São Jorge

 

Fotos: Cleber Soares / Dourados Esportivo

 

 

 

 

Veja também

Brasil vence o Bangu e conquista a primeira edição da Copa Guateka de Futebol

Uma grande e lindíssima festa do esporte indígena, e também do futebol amador douradense, é …